Xicuembo (versão 3.0)

memórias & resmungos do Carlos Gil

A minha fotografia
Nome:

carlosgil2006@gmail.com

domingo, fevereiro 05, 2006

Esparguete à João Carapinha

Bom, económico e fácil de fazer. Recomendo.
..........
Na panela, dois litros de água e um dente de alho, um fio de azeite fino. Quando começar a ferver põe-se o esparguete, partido ao meio. Ferve oito minutos. Escorre-se a água ainda no tacho, junta-se alho picado, mais azeite fino e orégãos.
No prato, polvilha-se com queijo parmesão e, a gosto, junta-se mais alho picado e azeite fino.
...........
Os truques:
1) o azeite deverá ser de qualidade superior;
2) o queijo parmesão é fundamental; recomenda-se o à venda no Lidl, em saquetas;
3) a água é escorrida sempre no tacho e nunca em escorredor;
4) o esparguete deverá ir para o prato tão quente que permita ao queijo ralado derreter-se;
5) sem orégãos não presta para nada; aliás, cozinhar sem ervas não é cozinhar.
............
PS: está o cozinheiro a dizer-me que esqueci-me do sal; portanto vai para a panela junto com o dente de alho: logo ao princípio.
PS2: este gajo é um chato: diz que o queijo não é gratinado. assim o esparguete deve comer-se quente mas não tem de ir para o prato 'a ferver'. Ufa, que estes 'criadores'...
PS#: estou a apagar o post não tarda! agora está a ralhar que, desta maneira, o título devia ser 'esparguete à João Carapinha interpretado por Carlos Gil". Irrraaaaa

Fight Spam! Click Here!