Xicuembo (versão 3.0)

memórias & resmungos do Carlos Gil

A minha fotografia
Nome:

carlosgil2006@gmail.com

quarta-feira, novembro 09, 2005

Imperativos fiscais

.... mais uma vez reorganizada a tributação fiscal dos links*, com a criação de (mais) um imposto especial: desta vez o Moçambicano.
.........................................................................
* e esclarece-se, again: a tributação tem taxas proporcionais aos impostos que eu não pago ao Estado quando estou a ler blogues, portanto sem estar a trabalhar de forma fiscalmente tributável. Parecerá complicado mas não o é... se gasto 'muito tempo' com leituras do blogue 'a' ele leva um imposto alto; se gasto 'menos tempo' no blogue 'b', a sua taxa fiscal é obviamente mais suave.

2 Comments:

Blogger INDIGENTE ANDRAJOSO said...

parece mesmo que nos blogues almeirinenses continua a proliferar a indignação partidária...tanta coisa de politica e tão pouco de dizeres...salvo honrosas excepções (o teu incluido)

quarta-feira, novembro 09, 2005 9:02:00 da tarde  
Blogger jpt said...

Finalmente. Há já meses que me aqui me indignei contra esta política de cobrar impostos aos blogs moçambicanos, abordagem contrária aos pressupostos solidários e desenvolvimentistas de uma verdadeira política de cooperação. Saúdo pois a nova perspectiva, prova de que a reflexão é boa conselheira, mais vale tarde do que nunca, quem espera sempre alcança.
Saúdo ainda a gentileza solidária de alastrar a nova política fiscal (em pleno acordo com a politica G8) aqueles não-moçambicanos que por cá labutam.

quinta-feira, novembro 10, 2005 4:34:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Fight Spam! Click Here!